maio 2009


Sebastião da Guia é campeão nas 24 horas de Eppeville na França, vamos aplaudir esse feito isso mostra que cada vez mais a ultramaratona vai ganhando seu espaço no brasil, mas sabemos que é preciso cada vez mais organizarmos e fomentarmos a ultramaratona no brasil, pois temos grandes nomes em destaque mundo afora, e aqui muitos ainda insistem em chamar atletas experiêntes e ricos em conhecimento em loucos. Sebastião meus parabéns você levou nossa bandeira com muito carinho e respeito para os europeus mais uma vez nos aplaudir de pé.

Obrigado CARLOS,

Quando a reporter me falou que tinha feito uma materia com vc, Eu fiquei muito feliz.

Bem essa Foi a minha 41ª Ultramaratona, treinei muito bem para Eppeville,a única coisa que estava me preocupando era o fato de estar gripado.
Quando chegamos em Eppeville, soube que o Luciano Prado, também iria participar da prova, daí pensei comigo mesmo, que não teria moleza! por que uma prova com atletas do nível do Luciano transformam as provas, e fica muito mais bonita a disputa (Luciano é um guerreiro!).
Pois bem, foi dado a largada o Luciano saiu bem com os Francesses e um espanhol buscando a liderança, Eu fiquei um pouco atrás, mas tranquilo e consciente do que estava fazendo, mantendo um ritmo médio, para não levar tanto “capote” dos líderes.
Com 08 voltas de prova, fui ultrapassado pelo Francês e o Luciano, continuei mantendo meu ritmo. e com 12 horas de prova assumi a liderança da prova e fui até o final.
Detalhe importante!!!
EU, estava correndo com o ritmo para bater o recorde da prova, porém devido a sensação térmica de 4º graus, foi uma quebradeira geral.
Daí conversei com meu treinador e decedimos juntos em manter a liderança e levar o título para casa.
Nós apoiamos o Luciano Prado durante a prova, mas infelizmente o Lucianonão se sentiu bem.
Foi uma excelente prova, esperamos no próximo ano repetir o feito.

Amigão um abraço, e agora, que venha BADWATER!!!

Anúncios

Olá pessoal meu amigo que considero como um grande irmão que me inspira na minha busca por novos desafios irá correr as 24 horas na esteira e quebrará o recorde mundial, eu acredito nele sei que ele não precisa provar nada para ninguém pois ele é um exemplo de atleta e ser humano, vamos todos torcer e as empresas que quiserem apostar no Luciano vocês serão premiadas com a qualidade desse grande atleta. força Luciano Prado estamos com você. abraço Carlos Dias

Ultramaratonista Luciano Prado tenta recorde de 24h em esteira
27/05/2009 – Atualizada às 12:49

Luciano se diz pronto para encarar o desafio
Foto: Bruna Mantovanni/ Divulgação
1 O ultramaratonista brasileiro Luciano Prado dos Santos tentará bater o recorde mundial de 24 horas em esteira e entrar para o Guiness Book, o Livro dos Recordes. O desafio será uma das atrações do final de semana de realização da Maratona Beto Carrero, competição que acontece no dia quatro de julho, na cidade de Penha (SC).

“O organizador da prova me convidou para tentar o recorde e topei, porque estou preparado. Vamos ver se desta vez se o Guinness reconhece minha marca”, ressalta Luciano. Atualmente a melhor marca do mundo é de 257 quilômetros (não homologados), estabelecidos em 2004 pelo australiano Arulanantham Suresh Joachim.

O brasileiro ostenta como recorde pessoal 249,6 quilômetros (também não reconhecidos), marca que ele tentou melhorar ano passado na Virada Esportiva paulista, mas não obteve êxito devido ao cansaço físico. Agora ele se diz preparado para fazer história. “Precisarei fazer uma marca acima de 260 quilômetros”, enfatiza o atleta de 42 anos, que contará com a ajuda do fisiologista Dr. Turíbio de Barros neste empreitada. “Estamos na correria da inscrição para o Guiness e o mais difícil, como sempre, que é arrumar patrocinadores”, finaliza Luciano.

“Estamos montando uma grande festa para a quebra deste recorde”, conta animado Euclides J.S. Neto, o Kiko, organizador da Maratona Beto Carrero. Quem quiser entrar em contato com Luciano para patrocinar ou apoiar o desafio, pode entrar em contato pelo e-mail lucianoultrapapaleguas@hotmail.com.

Fonte:webrun

Herói Fung e Valderez Silva

Herói Fung e Valderez Silva

Há 11 anos atrás eu estava em Durban África do Sul realizando o sonho de correr os 89km de subidas e descidas até Pietermaritizburg,ainda me lembro da emoção de entrar em um joquei club aplaudido por milhares de pessoas, até hoje sinto a energia do povo e guardo com carinho cada sorriso e abraço que recebi na prova, foi na Comrades que resolvi fazer da ultramaratona minha conexão com o mundo. Agora vejo meu treinador Herói Fung e a amiga de ultras Valderez  Silva realizarem seus sonhos na Comrades, além deles tivemos muitos brasileiros presentes na prova de 2009, eu dou meus parabéns a todos por mostrarem a força e magia do povo brasileiro em uma prova tão difícil para se completar. Valeu amigos ultra atletas .segue o relato da atleta Valderez Silva em sua primeira participação em uma ultra fora do Brasil.
OI Carlos! Boa Tarde !
 
Chegamos em DURBAN, na quinta à tarde, Fomos pegar os Kits, e acabou o dia.
Sexta fizemos um Tour,  no Museu da COMRADES, almoçamos, fomos dar um passeio, nas redondezas do Hotel, acabou o dia…
Sábado, fizemos  um trote, almoçamos e fomos descançar.
Não deu tempo para me adaptar a comida apimentada  e ao fuso.
Ficamos esses dias sem comer arroz e feijão, zzzzzzzz
 
Domingo: na Prova!
Deu a largada às 5h30  em ponto, saí no pelotão C, caminhamos alguns minutos até passar no tapete do chip, depois começamos à trotar, e foi assim até o 15km, depois começou melhorar o espaço entre um corredor e outro, e deu p/ aumentar um pouco o
ritmo, fui bem até o 50km, quando me deu náuseas e passei mal, vomitei tudo que comi no jantar e durante a prova. Faltava ainda, 39km……..
 
Parei várias vezes, e assim fui caminhando e trotando até o final, nas subidas e descidas muito longas, , pensei que não fosse terminar. Mas fiquei feliz quando consegui completar dentro do prazo de 12h,  realizando em 9h29,  via muita gente passando por mim, e eu sem forças para alcançar.
Muita gente , também  caída ou sentada no caminho, contundidas e sem forças para continuar.
 
Também o que me ajudou muito,  na parte psicológica, foi a galera, muito legal, ver famílias, reunidas, desde o início da prova, ainda no escuro, algumas  famílias sentadas nas  cadeiras, fazendo fogueiras p/ esquentar pois  estava frio.
Praticamente o percurso inteirinho, torcendo e gritando,  BRASIL!!! e meu nome,  que estava estampado no número da prova e na camiseta junto com a Bandeira,  é  Emocionante!!!!! Indescritível, é  só estando correndo p/ sentir, cada momento da prova,
 
OBS.: Segunda, fomos p/ o Aeroporto às 4:00h da manhã, não foi fácil acordar e se deslocar, pois estava bem dolorida…….
 
Obrigada, Carlos Dias, pela Força e sua Energia Positiva…..
E vou voltar,  me aguarde……………..
Bjs
 
Valderez Pereira da Silva
Herói Fung
 
Gravação Comercial WH.Wellness Center

Gravação Comercial WH.Wellness Center

Cada vez mais buscamos qualidade de vida,
A pele é nosso contato mais próximo com o mundo externo.
É nosso maior órgão,e responsável por grande parte da oxigenação do nosso corpo.Daí a importância de preservá-la.
Vivemos num país tropical onde esses cuidados tem que ser ainda maiores.Por isso a WH.Wellness Center alia a tecnologia com a filosofia de bem-estar e oferece programas voltados especificamente para atingir nossa necessidade.
Eu como atleta busco sempre aliar aos meus treinos alternativas que agregam qualidade e renove minhas energias para a busca de novos desafios, na WH Wellness sou tratado com respeito e qualidade pelos profissionais,por isso tenho como minha parceira em minha preparação e recuperação para meus desafios. eu recomendo .
Venha você também buscar uma melhor qualidade de vida para você e sua familia o endereço da WH.Wellness é:
Rua Jonio,171 Jd. do Mar S.B.Campo-SP    Tel: 2178.8883   fax: 2178.8873
Foi um grande prazer participar da gravação do comercial no programa da Alessandra Scatena na Rede Brasil.

ELE ATRAVESSOU 4 DESERTOS A PÉ! E TROUXE PARA O BRASIL UMA CONQUISTA INÉDITA!! O NOME DELE É CARLOS DIAS. UMA HISTÓRIA EMOCIONANTE DE UM BRASILEIRO QUE VENCEU NO ESPORTE E NA VIDA!

Não perca a matéria onde Carlos Dias relata a história de sua vida e como fez para completar os 4 desertos mais extremos do planeta:

Sexta dia 22/05/09
16h no Sportv
23h Sportv 2
 
Sábado 23/05/09
9h30 no Sportv 2
 
Segunda 25/05/09
7h30 no Sportv
9h30 no Sportv 2

 

 

 

“O sucesso da noite para o dia geralmente leva uns 15 anos”.

 

 

 

De que maneira a palavra desafio mexe com você? Causa um tremor interno ou faz você se endireitar na cadeira? Provoca um nó no seu estômago ou enche você de determinação?Uma das definições de desafio é: “uma situação que testa as habilidades de alguém de maneira estimulante”. e inclui uma certa dose de adversidade pelo caminho.Você deve querer que seu desafio seja expresso de tal forma que:

O excite-,talvez até mesmo o amedronte

O enriqueça profundamente

Inspire sua vontade mais forte

O conecte a

seu principal questionamento

O desenvolva-o, aprimore

Beneficie os outros (em ultima instância) de maneira significativa,guando for alcançado

Desenvolva sua capacidade- demonstre e fortaleça sua habilidade de enfrentar futuros desafios

Alimente sua grandeza- demonstre e fortaleça sua grandeza na vida diária.

 

Tenho paixão em tudo que faço ,essa gana me traz energia.Ser ousado guando penso em construir um desafio me faz um ser com aspiração,tenho uma finalidade e cada desafio tem um grande significado,sempre haverá uma missão, carregada de valores especiais,gosto de ir mais profundo ou mais alto,mais longe.empenhar-se na busca do ideal de gerar benefícios aos que me rodeiam. O futuro só será feito com qualidade ,se eu realizar com determinação e excelência o meu presente,sem que a firmeza me abandone quero cavar fundo o meu sonho, juntos eu e meus parceiros conquistados durante o caminho e com liberdade poder ser incomum,ágil e manter sempre a minha característica sem ter medo de assumir riscos,colher o melhor de cada pessoa e tentar deixar o  meu  legado com consciência de quanto é difícil e incerto seguir por caminhos mais longos e mais duros.não é para loucos e sim para poucos exercer influência especial na mudança e fazer diferença em uma vida que passa muito rápido .

Por isso sonhemos e busquemos realizar nossos sonhos .

 

 

Paixão pelo desafio


Único sul-americano a completar a Copa do Mundo dos Desertos, Carlos Dias revela o fascínio pela aventura e o espírito esportivo que existe nas ultramaratonas

 

Alegria com as medalhas
Por Cesar Candido dos Santos

Superar desafios. Este é um dos principais objetivos do ultramaratonista Carlos Dias. Aos 36 anos, ele tem em seu currículo a participação em algumas das provas mais difíceis do planetas, como a Comrades e a BR 135, e é o único sul-americano a completar as quatro etapas da Copa do Mundo dos Desertos (Atacama, Saara, Golbi e Antártida), que é disputada em locais com condições climáticas mais extremas do globo terrestre.

Nesta entrevista para o O2 Por Minuto, ele conta um pouco sobre suas aventuras e o que mais o fascina nas ultramaratonas.

O2 Por Minuto – Como você se tornou um ultramaratonista?
Carlos dias –
Sempre busquei algumas coisas no atletismo com a corrida. Participei de disputas de 21 km e completei 64 maratonas. Descobri a ultramaratona por meio da leitura, quando conheci a Comrades. Decidi que ia disputar esta prova e me preparei para isso. Fiz os 100 km de Cubatão, em 97, e no ano seguinte fui para a África do Sul disputar a prova e tomei gosto pela coisa.

O2 Por Minuto – O que mais te atrai neste tipo de competição?
CD –
O sabor do desafio. Para participar de uma ultramaratona, é preciso ter estratégia, condicionamento físico e controle mental. Algumas provas também permitem o contato com a natureza, como o desafio na Amazônia, no qual passei por trilhas onde jamais estaria e pude ver coisas incríveis. Isto me fascina.

O2 Por Minuto – Como é a sua preparação para uma prova?
CD –
Não faço nada de extraordinário. Corro três vezes por semana de 20 a 25 km. Costumo variar um pouco e treinar no asfalto, areia e trilhas.Também faço natação, musculação, massagens e acupuntura. O segredo é conhecer o limite e prestar atenção no descanso. Não adianta forçar muito. A somatória de tudo isso me permite entrar inteiro nas provas.

O2 Por Minuto – Qual a ultramaratona mais difícil que você enfrentou?
CD –
Cada prova tem sua dificuldade e requer adaptações. Na Copa do Mundo dos Desertos, que foram as últimas corridas que fiz, acho que a mais difícil foi a do Atacama. Havia muita mudança no clima e no terreno do percurso. Isto exigiu muito e eu terminava exausto as etapas.

O2 Por Minuto – No meio de uma prova, você já pensou alguma vez: “o que estou fazendo aqui” ou “nunca mais volto para este lugar”?
CD –
Esses questionamentos sempre existem durante uma competição. E o treinamento mental é muito importante para eliminar isso. Antes de ir para um desafio, imagino como vou superar os momentos difíceis. Durante a disputa, procuro sempre pensar no dia da chegada, na festa que farão quando eu terminar e no meu filho. Ficar preso a pensamentos negativos limita muito e pode fazer com que eu desista ou me acidente.

O2 Por Minuto – Existe companheirismo entre os adversários durante uma competição?
CD –
Sim, e isto é fascinante. Cada competição é como uma Copa do Mundo, pois são mais de trinta países representados. Mesmo assim, existe uma solidariedade enorme. Todos se cumprimentam antes das etapas e o clima é muito bom. Dentro da prova, nos comunicamos e tenho amigos dos mais diversos lugares do planeta. Esta é uma das minhas maiores conquistas com a ultramaratona. É um tipo de competição que não existe conflito, as pessoas se ajudam e existe o verdadeiro espírito do “fair play”.

O2 Por Minuto – Qual é seu próximo desafio?
CD –
Vou cruzar os Estados Unidos do Pacífico ao Atlântico. Sairei de São Francisco e chegarei em Nova York, em um total de 80 dias e 5.250 km. A minha última etapa neste desafio será completar a Maratona de Nova York. Pretendo fazer uma grande festa no Central Park.

O2 Por Minuto – E dá para pensar em vitória na Maratona de Nova York depois de correr 79 dias seguidos?
CD –
Acho que não (risos). Minha intenção é fazer a prova em 4h30min. Muitos amigos já disseram que vão me acompanhar na maratona e será uma grande festa.

Confira os principais desafios vencidos por Carlos Dias
1998 – Comrades Marathon (África do Sul) – 90km
1998 – Maratona de Nova York (Estados Unidos) – 42,195 km
1999 – Apeldoorn Holanda IAU (Holanda) – 24 horas
1999 – Deserto do Arizona (Estados Unidos) – 432 km
2000 – Rio de Janeiro a São Paulo – 500 km
2001 – Deserto do Arizona (Estados Unidos) – 432 km
2002 – Deserto do Arizona (Estados Unidos) – 432 km
2003 – 1.000 milhas brasileiras – de Porto Seguro (BA) a São Bernardo do Campo (SP) – 1.600 km
2003 – Jungle Marathon (Amazônia)– 250 km
2004 – Apeldoorn Holanda IAU (Holanda) – 24horas
2004 – Jungle Marathon (Amazônia)– 250 km
2004 – Ecomotion (Bahia) – 500 km
2006 – Jungle Marathon (Amazônia)– 250 km
2007 – Desafio Oiapoque ao Chuí – 9.000 km em 100 dias
2008 – BR135 (BRA) – 217 km
2008 – Gobi March (China) – 250km
2008 – Saara Racing (Egito) – 250km
2008 – Last Desert (Antártida) – 250km
2009 – Atacama Crossing (Chile) – 250 km

 

Próxima Página »